Ir para conteúdo 1 Ir para menu 2 Ir para busca 3 Ir para rodapé 4 Acessibilidade 5 Alto contraste 6

---

  • ?
  • ?

---

  • ?
  • ?


Otacílio Costa sediou assembleia dos Municípios da AMURES

Publicado em 28/08/2021 às 16:37 - Atualizado em 28/08/2021 às 16:56


Créditos: João Nilton (Assessoria de Comunicação) Baixar Imagem

Depois de São Joaquim, Bom Jardim da Serra e Bocaina do Sul, aconteceu nesta sexta-feira (27), em Otacílio Costa, a quarta assembleia de prefeitos da Amures, descentralizada. Na abertura dos trabalhos, o prefeito anfitrião Fabiano Baldessar, agradeceu a presença dos prefeitos e destacou a importância da Amures para ajudar a desenvolver os municípios.

“Somos gratos à nossa associação, especialmente, no projeto da ponte sobre o rio Canoas, na localidade de Santa Rosa”, agradeceu o prefeito. Como primeiro item da pauta, os prefeitos discutiram e aprovaram por unanimidade, o orçamento da Amures para 2022, de acordo com uma média de cada município no retorno do índice do Fundo de Participação dos Municípios – FPM.

Os prefeitos autorizaram, também, um estudo de viabilidade técnica e econômica, através do Consórcio Intermunicipal Serra Catarinense – Cisama, da estrutura da Base Avançada de Pesquisa do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), em Painel.

Já houve uma tratativa prévia com a regional da Epagri, onde se discutiu uma possível parceria para reativar de forma autossustentável, aquela unidade, focados na produção de peixes exóticos como a truta e espécies nativas.

A Base Avançada possui área total de 190 mil metros quadrados e uma estrutura de 30 tanques, onde poderiam reproduzir peixes em escala para fomentar a cadeia produtiva da piscicultura. Um vídeo da estrutura da Base Avançada foi apresentado aos prefeitos e o secretário executivo da Amures, Walter Manfroi e o diretor executivo do Cisama, Selênio Sartor, fizeram uma exposição de motivos do projeto.

A deputada federal Carmen Zanotto se posicionou favorável à reativação da unidade e destacou que a região não pode abrir mão desse equipamento público. “Essa é uma ação com resultado de médio a longo prazo. Não podemos ser imediatistas, mas temos de reativar esse patrimônio em benefício da região com apoio do Estado”, defendeu a deputada.

 

Reuniões descentralizadas

 

Recepcionados pelas embaixatrizes da Capital Nacional da Madeira, Daniela de Liz dos Santos de Moura e Stefani Lemann de Jesus, as autoridades da reunião foram agraciadas com um mimo com produtos da agricultura familiar e uma garrafa de aguardente (bugio), edição especial, processada em Otacílio Costa.

A mesa de autoridades contou com o prefeito de Cerro Negro, presidente do Cisama Ademilson Conrado, o vereador Henrique Costa representando o Poder Legislativo, Beatriz Bleyer Rodrigues diretora executiva do Consórcio de Saúde, que representou a presidente do CIS-Amures, prefeita de Urubici Mariza Costa, que estava em evento da ordem de serviço da Serra do Corvo Branco, em Grão-Pará, deputada federal Carmen Zanotto e o diretor geral da Agência Reguladora Intermunicipal de Saneamento – Aris, Adir Faccio.

Tito Pereira Freitas, frisou que as reuniões itinerantes, são estratégicas para a integração da região. “Nos sentimos mais próximos e comprometidos uns com os outros, quando fazemos estas reuniões. E nosso desafio é lutar pela região, por isso precisamos estar coesas e fortes para cobrar dos nossos representantes junto ao governo estadual e federal”, afirmou Tito Freitas.

As próximas reuniões ficaram definidas para acontecer em Cerro Negro em setembro, Urubici em outubro, Lages em novembro e Capão Alto em dezembro. Durante a reunião, ainda foram discutidos demandas e serviços do Consórcio de Saúde e aberto espaço para deputada federal Carmen Zanotto atualizar a situação de suas emendas e reafirmar seu compromisso com os municípios da Serra Catarinense.

No fechamento da reunião foram entregues os "diagnósticos dos sistemas individuais de tratamento de esgotos" dos municípios de: Painel, Rio Rufino, São José do Cerrito, Urupema, Campo Belo do Sul, Cerro Negro, Ponte Alta e Capão Alto.


Galeria de Fotos

  • {{galeriaImagens.length + galeriaVideos.length - 12}}
  • {{galeriaMultimidia.length + galeriaImagens.length + galeriaVideos.length - 12}}
Fechar